Um daqueles dias

Regresso5

Um daqueles dias em que nos rimos, em que dançamos, cantamos, brincamos, estendemo-nos um bocadinho ao sol e depois tudo se vai desmoronando aos poucos, sem que consigamos perceber como…

Apesar disso, sempre que olho para os meus companheiros, sim, os da fotografia, penso nos versos do Jorge Palma e vou cantarolando a canção para me acalmar:

Enquanto houver estrada pra andar. A gente vai continuar. Enquanto houver estrada pra andar. Enquanto houver ventos e mar. A gente não vai parar

 

 

Anúncios
Posted in ...

One thought on “Um daqueles dias

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s